26.1 C
Juruá
domingo, julho 14, 2024

Edvaldo denuncia falta de pagamento do transporte escolar em Marechal Thaumaturgo; 90% dos alunos do ensino médio estão sem aula há quase 1 mês

Por Assessoria.

- Publicidade -

Em discurso na Assembleia Legislativa do Acre (Aleac), na manhã desta terça-feira (12), o deputado estadual Edvaldo Magalhães (PCdoB) denunciou a falta de pagamento dos trabalhadores que fazem o transporte escolar no município de Marechal Thaumaturgo. O parlamentar pontuou que 90% dos alunos do ensino médio do município estão sem aula há mais de 20 dias.

“Todas as salas do ensino médio estão paralisadas, sem aula. Sabe por que? Porque o secretário de Educação não está pagando o transporte escolar. Atrasaram tanto que os barqueiros não conseguem comprar combustível para prestar o serviço. Está deixando 90% dos alunos sem aula há mais de 20 dias. Vai completar um mês. Nós estamos em pleno verão”, disse Edvaldo Magalhães.

Edvaldo Magalhães disse ainda que Marechal Thaumaturgo tem duas escolas de ensino médio, que são: Geraldo Pinto, na Comunidade Triunfo e a escola Elvira Ferreira Gomes, que fica na sede do município. “Essas escolas tem os seus anexos que são por comunidades. O governo Binho universalizou o acesso do ensino médio”. Ele acrescentou que o problema da falta de pagamento do transporte escolar não se restringe apenas a Marechal Thaumaturgo, mas é um problema de todo o Acre. “Mas, se qualquer parlamentar aqui der um passo na área rural de Sena, Brasileia, Tarauacá, na regional do Envira, vai encontrar a mesma situação”.

E finalizou ao afirmar que o Acre caiu para o penúltimo lugar no ranking nacional da Educação no governo de Gladson Cameli. Na gestão de Binho Marques, o estado estava entre os 10 melhores na Educação. “Aquilo que você tinha como direito ao acesso está sendo subtraído nestes tempos”.

- Publicidade -
Copiar