27.5 C
Juruá
segunda-feira, julho 15, 2024

Emma Roberts diz ter ficado chocada com as acusações de assédios nos bastidores da Nickelodeon

Por FolhaPress.

- Publicidade -

FOLHAPRESS) – Emma Roberts, 33, era uma adolescente de 13 anos quando se tornou uma das protagonistas da séria “Normal Demais ” (Unfabulous), na Nickelodeon, há 20 anos. Jamais desconfiou que os bastidores da emissora infantil não era tão inocente e a atriz disse ficado chocada com as acusações de assédio moral e sexual contra alguns diretores, reveladas no documental “Quiet on Set: O Lado Sombrio da TV Infantil”, disponível na Max.

Ela disse ter ficado “completamente horrorizada e chocada” com o documental. “Horrível e não foi a minha experiência”, contou a sobrinha de Julia Roberts à Variety. “Fiquei muito triste que isso estivesse acontecendo com pessoas que eu via com frequência e eu não tinha ideia”, contou ela que ficou à frente da produção por três temporadas.

A atriz contou ainda que, na época, não entendia por que a sua mãe estava com ela o tempo inteiro durante as gravações, mas agora percebe que isso a protegeu de situações abusivas. ” A minha mãe estava comigo 24 horas por dia, sete dias por semana, e até eu ficava tipo: ‘Você não precisa ficar aqui o tempo todo’. E ela dizia: ‘Na verdade, preciso. Não vou deixar você sair da minha vista'”.

Mãe de um menino chamado Rhodes, que vai completar quatro anos em dezembro de 2020 (o pai é ex-namorado Garrett Hedlund), ela é a favor de que crianças precisam ser protegidas nos sets. “Crianças e adultos também. Esse documentário realmente me tirou o sono”.

Em cinco capítulos, “Quiet on Set: O Lado Sombrio da TV Infantil” expõe supostos casos de assédio moral e sexual nos bastidores da Nickelodeon. Um dos focos da produção é o produtor Dan Schneider, responsável pelos principais sucessos do canal, como “Zoey 101” (2005-2008), “iCarly” (2007-2012), “Brilhante Victoria” (2010-2013), “Drake & Josh” (2004-2007), “Sam & Cat” (2013-2014) e “O Show da Amanda” (1999-2002), que é acusado de assédio moral.

A série documental ainda traz o depoimento de Drake Bell, uma das estrelas de “Drake & Josh”, que fala sobre ter sido uma vítima de abuso sexual enquanto trabalhava em produções da Nickelodeon.

- Publicidade -
Copiar