Rio Branco, Acre, 25 de julho de 2021

Pesquisadores da USP começam a testar vacina contra Covid-19

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on pinterest
Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email

Pesquisadores do Instituto do Coração (Incor) da Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo (USP) começaram a testar, em camundongos, uma vacina contra a Covid-19.

A pesquisa conta com o apoio da Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo (Fapesp).

O estudo tem como objetivo identificar um imunizante capaz de produzir uma resposta rápida e duradoura no sistema imunológicos dos animais.

Gustavo Cabral, pesquisador responsável pelo projeto, disse à Agência Fapesp, que três formulações estão sendo testadas e, além disso, há outras doses em desenvolvimento.

Para desenvolvimento das doses, partículas semelhantes ao vírus (Sars-CoV-2) foram utilizadas e, por isso, são reconhecidas pelas células do sistema imune.

Além disso, a dose recebeu antígenos – substâncias que são responsáveis por estimular o sistema imune a produzir anticorpos.

Testes

Com a aplicação das vacinas em camundongos, a cada semana, será colhida uma amostra do plasmas destes animais para analisar a produção de anticorpos.

Este processos será realizado por meses e, após acompanhamento, será possível identificar qual formulação de vacina será capaz de neutralizar o vírus.

Com a descoberta da melhor formulação, a vacina será aplicada em camundongos transgênicos, que carregam o receptor da células humanas, para observar por quanto tempo a vacina funciona e se é segura para testar em humanos.

Os pesquisadores envolvidos estimam que os testes sejam concluídos até o final deste ano.

Com informações ‘CNN Brasil’.

ALEAC

Leia também

Receba nossas novidades

Av. Getúlio Vargas n. 22 – Salas 7 e 8 – Centro – Cruzeiro do Sul AC.