28.9 C
Juruá
domingo, julho 14, 2024

Saúde masculina: os principais cuidados que o homem deve tomar para evitar o câncer de próstata

Por Redação O Juruá em Tempo.

- Publicidade -

O mês de novembro é um período dedicado à conscientização sobre a saúde integral do homem, com foco especial na prevenção do câncer de próstata, o segundo tipo mais comum entre os homens, atrás apenas do câncer de pele não melanoma.

Durante o mês de novembro, o governo do Acre e demais instituições agem com ações educativas que estimulam o cuidado da saúde masculina. Foto: Luan Martins/Sesacre

Nesse contexto, o governo do Acre, por meio da Secretaria de Estado de Saúde (Sesacre), redobra seus esforços ao longo deste mês. A abordagem não se limita apenas à prevenção do câncer de próstata, mas também engloba a conscientização sobre doenças em geral, estimulando os homens a buscarem atendimento nas Unidades Básicas de Saúde espalhadas pelo estado.

Momento de conscientização

O movimento internacional Novembro Azul, originado na Austrália em 2003, visa sensibilizar os homens sobre os cuidados com a saúde e a importância dos exames preventivos para o câncer de próstata. No Brasil, a primeira celebração do Novembro Azul ocorreu em 2008, destacando a relevância dessa campanha.

Dados do Ministério da Saúde revelam que de 2019 a 2021 foram mais de 47 mil óbitos em razão desse tipo de tumor. Tal dado evidencia a importância de ações que chamem a atenção da sociedade. Foto: Odair Leal/Sesacre

O câncer de próstata é uma das principais causas de mortalidade masculina em escala global, tornando fundamental a conscientização e o diagnóstico precoce. Fatores como histórico familiar, idade avançada e hábitos de vida podem influenciar no desenvolvimento desse tipo de câncer.

Frente a importância de promover a saúde masculina na sociedade, o titular da Sesacre, Pedro Pascoal, levanta: “Não devemos nos limitar apenas a esse mês, que seja um cuidado rotineiro sempre com a consciência de que é importante se prevenir. É sempre mais saudável, barato e menos doloroso do que remediar”.

“Como instituições e sociedade, promovemos esse momento de conscientização não só para homens, como para mulheres, para que todos conscientizem aqueles que amam para a realização de exames preventivos”, defende Pedro Pascoal. Foto: Alex Domingos/Secom

O gestor estadual também garante: “O governo do Acre tem o compromisso de promover saúde de qualidade, levando assistência em todas as nossas regionais de uma forma totalmente integral”.

Em outubro, o governador Gladson Cameli entregou a primeira etapa da reforma da unidade de oncologia, representando a dedicação da saúde pública em seu governo. Foto: Diego Gurgel/Secom

O enfoque na prevenção do câncer de próstata

A próstata, uma glândula que pertence ao aparelho reprodutor masculino, está localizada na parte baixa do abdômen e é essencial para a fertilidade, responsável por produzir parte dos líquidos que compõem o sêmen. E como outros órgãos do corpo humano, está sujeita a desenvolver problemas, por isso, a necessidade da realização do exame de próstata é expressiva, tendo a detecção precoce como a chave para a cura.

O Sistema Único de Saúde (SUS) oferece tratamento em hospitais habilitados em oncologia, conforme previsto pela Política Nacional para a Prevenção e Controle do Câncer (PNPCC) e no estado do Acre, a Fundação Hospital Estadual do Acre (Fundhacre) desempenha um papel crucial na prestação de cuidados e tratamentos para essa doença.

No Acre, o Hospital de Câncer do Acre (HCAC) atua como unidade de alta complexidade em Oncologia (Unacon), oferecendo tratamento especializado e cadastrado pelo Ministério da Saúde. Foto: Diego Gurgel

O papel dos profissionais de saúde e das unidades básicas

O médico Dennis Fujiike dedica o seu ofício a tratar pacientes na rede pública de saúde na unidade e no Pronto-Socorro  Rio Branco, por meio de consultas, avaliações e cirurgias na área de urologia.

O doutor aponta como fundamental visitas regulares ao atendimento médico, não apenas na presença de sintomas. “Principalmente os homens, devemos perder esse receio e a síndrome de super-herói, achando que somos fortes e nunca adoecemos. Devemos voltar o cuidado para a nossa própria saúde”.

Urologista alerta os homens sobre o cuidado com a saúde e aconselha: “Devemos criar o hábito de realizar atendimentos de rotina e preventivos”. Foto: Carlos Alexandre/Secom

E como porta de entrada para esse cuidado com a saúde, as unidades básicas de saúde são grandes aliadas não apenas dos homens, mas da sociedade como um todo. No Acre, há 245 unidades, todas estruturadas próximas da vida dos usuários, desempenhando um papel central na garantia de acesso a uma saúde de qualidade. Elas oferecem uma diversidade de serviços realizados pelo SUS, como consultas de enfermagem, médicas e de saúde bucal, distribuição de medicamentos, vacinas, curativos, educação em saúde, entre outras.

Unidades Básicas de Saúde são importantes mecenismos de entrada e encaminhamento para demais ambientes de promoção de saúde. Foto: Divulgação/Sesai

Especificamente quanto ao câncer de próstata, o urologista alerta que as pessoas não devem se ater a sintomas como alertas, tendo em vista que na grande maioria acontece de maneira assintomática. “Quando passa a apresentar sintomas é um sinal que a doença, infelizmente, já está em fase muito avançada. Por isso, defendemos a realização frequente de exames, para que não sejamos pegos de surpresa por essa doença tão silenciosa”.

Prevenção e tratamento

Quanto aos exames de prevenção ao câncer de próstata, é indicado que pessoas com próstata realizem o procedimento a partir dos 50 anos de idade. Entretanto, dependendo de alguns fatores como histórico familiar de câncer, esse acompanhamento pode acontecer mais cedo, aos 45 anos.

Para a realização do exame de próstata, há diferentes procedimentos que podem ser solicitados pelo especialista conforme a necessidade de cada paciente. Um deles é o exame PSA, feito por meio da coleta de uma amostra de sangue, a qual será examinada em laboratório para fazer a medição de proteína Antígeno Prostático Específico, que sofre alterações quando a próstata apresenta algum tipo de problema.

Principal função do exame PSA é a detecção precoce do câncer de próstata. Foto: Odair Leal/Sesacre

Já o exame de toque, consiste em um procedimento simples, rápido e indolor feito por via retal para identificar possíveis alterações na próstata e outras estruturas da região. Outros procedimentos que também examinam a próstata são a ultrassonografia transretal e a biópsia.

A conscientização e a busca por cuidados preventivos são essenciais para garantir a saúde e o bem-estar da população masculina. A ênfase na prevenção do câncer de próstata durante o Novembro Azul reforça o compromisso do Governo do Acre em promover a saúde integral dos cidadãos, incentivando a busca por cuidados médicos regulares e o acesso a tratamentos adequados.

- Publicidade -
Copiar