Rio Branco, Acre, 27 de outubro de 2020

Polícia Civil prende 8 pessoas e investiga suposto homicídio na Vila Santa Luzia

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on pinterest
Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email

Com a prisão de Haron Lima Bussons, 18 anos, nesta quarta-feira, 28, Polícia investiga suposto homicídio que teria ocorrido na sexta-feira da semana passada, dia 23 de fevereiro, na comunidade Santa Luzia, a 40 km de Cruzeiro do Sul.

Após a prisão, o rapaz acabou passando informações à Polícia de que um grupo teria executado uma pessoa, ainda não identificada, e enterrado o corpo próximo a um Igarapé da Comunidade.

Na madrugada desta sexta-feira, 02, a Polícia deslocou-se até a comunidade onde foram presas 8 pessoas. Sendo, 5 homens e uma mulher em uma residência, um homem em uma outra casa e uma outro pessoa em uma terceira residência, supostamente envolvidas nesse homicídio e membros de uma das facções atuantes na região. Com elas foram apreendidas também armas de fogo.

“Nós não só identificamos e chegamos aos autores como também agora vamos empreender diligências no sentido de ir até o local onde o corpo foi ocultado e vamos fazer os trabalhos necessários a fim de elucidar por completo mais esse crime. Prendemos praticamente todos os envolvidos nesse homicídio, mas também apreendemos as armas que estavam com eles. Havia um rifle de pressão, porém alterado para poder ser utilizado com munição calibre 22, também uma escopeta e um revólver calibre 32, que são armas que eram utilizadas pela facção tanto para cometer assaltos como para intimidar a comunidade que vinha sendo inclusive aterrorizado aqui na Santa Luzia. Enfim, a polícia civil mais uma vez elucidando um crime e botando atrás das grades membros de facção que vem atuando na nossa região.”, relatou Futigami.

As pessoas apreendidas foram conduzidas à delegacia para as devidas providências e irão responder por homicídio qualificado, corrupção de menores, ocultação de cadáver, posse ilegal de arma de fogo e outros crimes que eventualmente sejam apurados até o fechamento das investigações.

O próximo passo da Polícia é o deslocamento até o local onde acredita-se que o corpo esteja enterrado. Segundo informações policiais não há
nenhum registro dessa pessoa que teria sido executada na Vila Santa Luzia. Após os procedimentos o corpo será conduzido para o Instituto Médico Legal (IML) para reconhecimento.

Leia também

Receba nossas novidades

Av. Rodrigues Alves 60 – Centro – Cruzeiro do Sul AC.