Bombeiros tocam em frente a hospital e governador homenageia profissionais de saúde em Cruzeiro do Sul

Neste momento, a saúde pública enfrenta uma crise sem previsão para seu fim e coloca à prova o trabalho de médicos e enfermeiros, que atuam na linha de frente do atendimento e combate à doença, enquanto o resto do mundo se isola. E é por isso que na noite desta quarta-feira, 8, junto com o Corpo de Bombeiros, o governador do Acre, Gladson Cameli, participou de uma homenagem durante a qual os militares fizeram uma serenata em frente ao Hospital Regional do Juruá, em Cruzeiro do Sul.

Em cima de um dos caminhões-pipa do Corpo de Bombeiros, os músicos tocaram três músicas seguidas sendo a trilha sonora do filme Titanic, Como é grande o meu amor por você e Jesus Cristo, do cantor e compositor Roberto Carlos.

“É uma apresentação simbólica em frente a um hospital. Nossa intenção e homenagear todos os profissionais de saúde que nessa época de pandemia são os que estão na linha de frente, pondo em risco as próprias vidas em favor dos outros. É uma luta que eles travam todos os dias e nada mais justo do que receberem um agradecimento pelo serviço prestado à população”, disse o comandante em exercício do Corpo de Bombeiros, Rômulo Barros.

O governador Gladson Cameli não esperou terminar a homenagem para se dirigir até os profissionais de saúde e agradecê-los pessoalmente.

O governador Gladson Cameli não esperou o fim da homenagem para se dirigir até os profissionais de saúde e agradecê-los pessoalmente Fotos: Marcos Vicentti/Secom

“Essa pandemia vai servir para refletimos o sentido da vida, de viver e sermos mais humanos. Aqui ainda não temos registros, mas ainda assim os profissionais estão na luta conosco pra deixar os leitos de UTI prontos e se necessário, assim como lá em Rio Branco, tenho certeza que darão seu sangue pra salvar outras vidas e merecem todo reconhecimento. Só cabe a mim como governado dizer muito obrigado e valorizar ainda mais o trabalho desses profissionais”, destacou o governador Gladson Cameli.

Mesmo sem registros de pessoas infectadas na região do Juruá, as obras de reforma em hospitais para receber eventuais casos e ainda o envio de equipamentos para a montagem de leitos de Unidade de Terapia Intensiva (UTI), continuam chegando no decorrer dos próximos dias. A ideia é deixar mais 10 leitos prontos no Hospital do Juruá e outros 36 no Hospital Dermatológico que vai servir de retaguarda para casos que precisem de tratamento intermediário. A previsão é que fiquem prontos na próxima semana.

Por Lília Camargo – Secom