Rio Branco, Acre, 30 de setembro de 2020

Com medo de investigação, pré-candidato a vereador pede desculpas: “Não tive intenção de discriminar”

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on pinterest

O pastor Nelson da Vitória publicou nas suas redes sociais nesta terça-feira, 11, uma nota de esclarecimento e pedido de desculpas por publicações nas quais disseminavam ódio e discriminação às pessoas transgênero.

O pastor e pré-candidato a vereador pediu desculpas pelos transtornos causados a toda população LGBT.

O pré-candidato aproveitou para reconhecer que a luta LGBT é legítima e importante.

“Nunca tive intenção de ofender, discriminar, criminalizar ou incitar a violência e o ódio. Na ocasião, foi polemizada nas redes sociais, uma ação promocional de “Dia dos Pais” de uma famosa empresa de cosméticos, e, no calor dos debates sobre o assunto revesti-me, ao que me parecia, do princípio da “Liberdade de Expressão” provenientes do Estado Democrático de Direito, sem me dar conta que feria o direito conquistado de outras pessoas de existir”, escreveu em seu Facebook.

E acrescenta: “Pactuo com a decisão do Supremo Tribunal Federal quando decidiu que homofobia era crime equiparado ao de racismo e respeito à orientação sexual, religião e opinião de todo cidadão e cidadã. Sou humano e consciente que, bem como todos, sou suscetível a erros e por tudo isso, lamento”.

Leia também

Receba nossas novidades

Av. Rodrigues Alves 60 – Centro – Cruzeiro do Sul AC.