Rio Branco, Acre, 16 de janeiro de 2021

Moradora de Mâncio Lima não resiste a Covid-19, e morre após passar vários dias entubada na UTI do Juruá

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on pinterest
Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email

Tatiana Sharavu, de 40 anos, morreu na noite deste sábado (22), vítima de Covid-19, após passar vários dias entubada na Unidade de Tratamento Intensivo (UTI) do Hospital de Campanha do Juruá.

Tati, como era mais conhecida, residia atualmente na Comunidade Guarani em Mâncio Lima, casada com o indígena Adeildo, da etnia Arara do Cruzeiro do Vale, em Porto Walter. Tatiana demonstrava amor e carinho pela cultura indígena, se tornando uma deles.

Nas redes sociais inúmeras manifestações de solidariedade e tristeza de familiares e amigos. Tatiana deixa o marido e quatro filhos.

Leia também

Receba nossas novidades

Av. Rodrigues Alves 60 – Centro – Cruzeiro do Sul AC.