Motoristas de vans sofrem com a falta de passageiros em Cruzeiro do Sul

Em Cruzeiro do Sul, os motoristas de vans seguem preocupados com a onda da crise viral. Apesar de terem os cuidados necessários usando luvas e álcool em gel, os motoristas estão sem passageiros. Com a parada das repartições publicas o fluxo de pessoas praticamente acabou e cerca de 12 vans seguem praticamente paradas por falta de clientes.

Os motoristas que antes gastavam 15 minutos nas ruas hoje ficam mais de meia hora na esperança de pessoas entrarem em seus veículos “Nós optamos por não deixar os colegas em casa, pois a necessidade de pagar os veículos e sustentar suas famílias é maior que o medo, nossos motoristas estão sendo muito bem orientados e tomando as medidas necessário e mesmo tendo caído cerca de 70% do fluxo de pessoas. Seguimos vendo carros rodarem o dia todo e não terem dinheiro para abastecer, ou seja o impacto econômico será muito grande para nossa classe, inclusive a gente pede ajuda ao poder público porque somos autônomos e se não tem cliente falta comida em nossas mesas” relata Erison, um dos motoristas

loading...