Polícia prende dez pessoas e apreende objetos furtados em Mâncio Lima

A Polícia Civil de Mâncio Lima, com o apoio da Polícia Militar, prendeu nesta terça-feira, 10, durante a Operação Telhado de Vidro, dez pessoas acusadas de crime de furto qualificado, rompimento de obstáculo, concurso de agentes e crime de receptação.

Além das prisões, a polícia recuperou parte dos objetos furtados: oito tablets, cada um no valor de R$ 2 mil.

Segundo o delegado Obetânio, após a prática do crime o acusado Romário do Tante, membro da facção Comando Vermelho, explodiu uma rajada de fogos de artifício para comemorar a empreitada criminosa.

As forças de segurança vão intensificar os trabalhos com o objetivo de prender os remanescentes da extinta facção Bonde dos 13 e prender os fascínoras do CV.