“Recurso de bancada estará disponível em 2022, então pra que financiamento”, diz Jéssica Sales ao criticar Ilderlei

A deputada federal Jéssica Sales criticou, em entrevista concedida na última sexta-feira, 1, o financiamento de R$ 15 milhões feito pelo prefeito Ilderlei Cordeiro para a recuperação das ruas de Cruzeiro do Sul.

Ao reprovar a iniciativa da prefeitura, a deputada ignora a necessidade de melhorias de infraestrutura para a população cruzeirense. Segundo Sales, não havia necessidade para tal empréstimo por que já existe uma emenda federal no valor de R$ 20 milhões destinada para tal serviço.

Porém, o processo de tramitação até a liberação do recurso demoraria aproximadamente três anos, ou em muitas vezes, se quer sai. Como foi o caso da ponte de Rodrigues Alves que também havia uma emenda de bancada e a melhoria dos ramais que se passaram anos e anos.

“Isso é um recurso de 2020. Isso significa que em 2020 vai ser empenhado. Em 2021, será elaborado o projeto e depois licitado para começar a obra ou no final de 2021, ou início de 2022”.

Ainda durante a entrevista, Sales pediu paciência a população de Cruzeiro do Sul. A situação constrange, sobretudo, a população que circula todos os dias nas ruas da cidade. Já que Jéssica Sales reside, atualmente, em Brasília.

O histórico político da família também não justifica a crítica da parlamentar. Seu pai, o ex-prefeito Vagner Sales, comandou a prefeitura da cidade por oito anos, mas nunca realizou nenhum grande projeto para recuperação da malha viária de Cruzeiro do Sul. Ou seja, grande parte dos problemas atuais são resultado de uma administração indiferente as necessidades da população.